Cuidados ao viajar de carro com o cachorro

dicas-viajar-carro-caoTer um cachorro em casa é mais do que ter um animal de estimação. Para a grande maioria dos donos, seus cães são membros da família. Sendo assim, cedo ou tarde eles acabarão embarcando junto em alguma viagem de carro. E para que corra tudo bem e a viagem seja repleta de boas histórias você precisará tomar alguns cuidados com o seu pet.

Se você está se preparando para levar o seu amigo de quatro patas pela primeira vez em uma viagem de carro, siga nossas dicas:

1 – O carro
A primeira dica é acostumar seu cão a andar de carro. Ele precisa se sentir confortável e saber que aquilo é algo tranquilo. Se você não tem o hábito de leva-lo para andar de carro, faça passeios curtos para que ele se acostume com a ideia e com o ambiente. Outra dica legal e fazer o animal entrar e sair do carro dando recompensas a ele. Dessa forma ele interpretará o passeio de carro como algo bom.

Alguns cachorros sentem ânsia e podem vomitar. Se isso acontecer com o seu cão nessa fase de adaptação o mais aconselhável a fazer é leva-lo ao veterinário, que provavelmente indicará um remédio para controlar essa sensação de mal-estar e evitar vômitos durante o percurso.

2 – Documentos
Assim como nós, os cachorros também precisam do seu “RG”. Não que ele precise de um documento oficial, mais sim de algo que o identifique, como uma plaquinha pendurada na coleira, contendo as informações do cão e do dono, como o nome dele e os seus números de telefone.

Caso ele se perca durante a viagem, o que não é raro, será mais fácil de ser localizado. Por isso, não deixe essa dica de lado e providencie uma plaquinha com identificação antes de viajar.

3 – Antes de entrar no carro
Quando estiver com tudo pronto para viajar, reserve alguns minutos para levar seu cachorro para passear na coleira. A atividade física faz bem para a saúde geral do cão e o ajudará a relaxar antes da viagem. É bem provável que ele se sinta cansado depois da caminhada e passe boa parte do tempo no carro dormindo.

4 – Prepare o carro
Colocar a caminha dele sobre o banco ou os paninhos que ele gosta para dormir pode ajudar muito na hora de manter seu cão mais calmo. Objetos que remetam ao aconchego de casa ajudam a tirar a ansiedade e fazer com que ele se sinta em um ambiente familiar e confortável durante a viagem.

Outra dica importante na hora de arrumar o carro é forra o banco de trás com uma lona ou plástico. Dessa forma você evita prejuízos caso o cão se suje e entre no carro e, também, caso ele enjoe e vomite.

5 – Cinto de segurança
Não são apenas nós humanos que devemos usar cinto de segurança. Segundo as leis de trânsito brasileiras, cachorros não podem andar soltos no carro, nem no banco de trás e nem no da frente, pois além de ser perigoso para o animal, oferece risco também ao atrapalhar o motorista.

Você precisará de um cinto de segurança ideal para cachorros e adaptado ao tamanho do seu cão, ou usar caixas transportadoras de animais, que é muito eficiente para os pets de pequeno porte. É importante ressaltar também que não se deve permitir que o cão ande com a cabeça para fora da janela. Por mais que ele goste do ventinho na cara, é muito perigoso.

6 – Pit Stop
Principalmente se a viagem for muito longa. Seu amigo precisará descer do carro algumas vezes para fazer as necessidades fisiológicas e também para beber água e aliviar o estresse. Dependendo do porte do cão você precisará fazer mais ou menos pausas. Uma boa média é parar a cada uma hora de viagem.

Aproveite esse momento para andar com ele um pouco e fazer exercício antes de voltar novamente para o carro. Dessa forma ele ficará mais tranquilo para encarar mais algumas horas de viagem.

7 – O Hotel
São muitos os hotéis que aceitam cachorros como hospedes, mas não corra o risco de não perguntar e reservar previamente. Existem locais que disponibilizam canis, mas não permitem que o cão fique com você no seu quarto. Portanto, para não ter surpresas desagradáveis, inclua isso no seu planejamento.

8 – A bagagem do cão
Por último, mas não menos importante, não esqueça de preparar a mala de viagem do seu cachorro. Ele vai precisar dos potinhos e da comida, dos brinquedos favoritos, da caminha e dos cobertores e da guia. Leve tudo o que você acredita que fará com que ele se sinta em um local aconchegante e familiar, evitando que o cão fique triste e ansioso para voltar para casa.

Aproveite para incluir itens de higiene, como lencinhos umedecidos, que serão importantes para limpa-lo caso ele passeie por lugares que tenham mato e barro, e saquinhos para recolher as fezes.

Siga nossas dicas e boa viagem!